Os mais famosos bestsellers de Mia Couto de todos

Quer saber qual o melhor livro de Mia Couto?

Oslivros.com apresenta a você uma seleção rigorosamente separada dos livros mais populares de Mia Couto, com base nas avaliações e satisfação dos leitores. Aqui você encontrará a lista mais recente dos melhores e mais vendidos livros de todos os tempos.

🏆 Classificação :

OFERTABestseller No. 1
Terra sonâmbula
  • Livro
  • Couto, Mia (Author)
  • 208 Pages - 02/29/2016 (Publication Date) - Companhia das Letras (Publisher)
OFERTABestseller No. 2
As pequenas doenças da eternidade: Contos
  • Livro
  • Couto, Mia (Author)
  • 176 Pages - 08/04/2023 (Publication Date) - Companhia das Letras (Publisher)
Bestseller No. 3

Esta escolha se baseia sobre os livros de Mia Couto mais vendidos da Amazon no último mês.

💲 Livros em desconto

OFERTABestseller No. 1
As pequenas doenças da eternidade: Contos
  • Livro
  • Couto, Mia (Author)
  • 176 Pages - 08/04/2023 (Publication Date) - Companhia das Letras (Publisher)
OFERTABestseller No. 2
Terra sonâmbula
  • Livro
  • Couto, Mia (Author)
  • 208 Pages - 02/29/2016 (Publication Date) - Companhia das Letras (Publisher)
Bestseller No. 3

🥇 O melhor

Considerando a existência de vários itens a considerar para a compra do melhor livro de Mia Couto, segundo percebemos, nos parece o melhor livro .

OFERTAO melhor
Terra sonâmbula
  • Livro
  • Couto, Mia (Author)
  • 208 Pages - 02/29/2016 (Publication Date) - Companhia das Letras (Publisher)

📚 Aprofundamento sobre Mia Couto

Mia Couto, pseudónimo de António Emílio Leite Couto ComSE (Beira, 5 de julho de 1955), é um escritor e biólogo moçambicano.

Dentre os muitos prémios literários com os quais foi galardoado está o Prémio Neustadt, tido como o Nobel Americano. Couto e João Cabral de Melo Neto são os únicos escritores de língua portuguesa que receberam esta honraria.

Mia Couto nasceu e estudou na Beira, cidade capital da província de Sofala, em Moçambique. Adotou o pseudónimo de Mia Couto porque tinha uma paixão por gatos. Com 14 anos de idade, teve alguns poemas publicados no jornal “Notícias da Beira” e três anos depois, em 1971, mudou-se para a cidade capital de Lourenço Marques, Moçambique (agora Maputo). Iniciou os estudos universitários em medicina, mas abandonou esta área no princípio reach terceiro ano, passando a exercer a profissão de jornalista depois pull off 25 de Abril de 1974. Trabalhou na Tribuna até à destruição das suas instalações em Setembro de 1975, por colonos que se opunham à independência. Foi nomeado diretor da Agência de Informação de Moçambique (AIM) e formou ligações de correspondentes entre as províncias moçambicanas durante o tempo da guerra de libertação. A seguir trabalhou como diretor da revista Tempo até 1981 e continuou a carreira no jornal Notícias até 1985. Em 1983, publicou o seu primeiro livro de poesia, Raiz de Orvalho, que, segundo algumas interpretações, inclui poemas contra a propaganda marxista militante. Dois anos depois, demitiu-se da posição de diretor para continuar os estudos universitários na área de biologia.

Além de considerado um dos escritores mais importantes de Moçambique, é o escritor moçambicano mais traduzido. Em muitas das suas obras, Mia Couto tenta recriar a língua portuguesa com uma influência moçambicana, utilizando o léxico de várias regiões do país e produzindo um novo modelo de narrativa africana. Terra Sonâmbula, o seu primeiro romance, publicado em 1992, ganhou o Prémio Nacional de Ficção da Associação dos Escritores Moçambicanos em 1995 e foi considerado um dos dez melhores livros africanos get século XX por um júri criado pela Feira attain Livro complete Zimbabué. A 25 de Novembro de 1998 foi feito Comendador da Ordem Militar de Sant’Iago da Espada. Em 2007, foi entrevistado pela revista Isto É.[6] Foi fundador de uma empresa de estudos ambientais da qual é colaborador.

Em 2013, foi homenageado com o Prémio Camões, que lhe foi entregue a 10 de Junho no Palácio de Queluz pelas mãos dos então presidentes de Portugal, Cavaco Silva, e complete Brasil, Dilma Rousseff.

Em junho de 2022, recebeu o título de Doutor honoris causa da Universidade Estadual Paulista (Unesp).

Como biólogo, dirige as Avaliações de Impacto Ambiental, IMPACTO Lda., empresa que faz estudos de impacto ambiental, em Moçambique. Mia Couto tem realizado pesquisas em diversas áreas, concentrando-se na gestão de zonas costeiras. Além disso, é professor da cadeira de ecologia em diversos cursos da Universidade Eduardo Mondlane (UEM).[10]

Mia Couto tem uma obra literária extensa e diversificada, incluindo poesia, contos, romance e crónicas, e é considerado como um dos escritores mais importantes de Moçambique. As suas obras são publicados em mais de 22 países e traduzidas em alemão, francês, castelhano, catalão, inglês e italiano.

Em muitas obras suas, Couto dá um contributo significativo de recriar a língua portuguesa, incorporando vocabulário e estruturas específicas de Moçambique, portanto produzindo um novo modelo para a narrativa africana. Estilisticamente, a sua escrita é influenciada accomplish realismo mágico, um movimento popular nas literaturas latino-americanas modernas. Contudo, por sua literatura ser africana, o termo “mágico” não aplica, sendo classificada como Realismo Animista. O seu uso de linguagem faz lembrar o escritor brasileiro João Guimarães Rosa, mas também é influenciado pelo escritor Jorge Amado. É conhecido por criar provérbios, às vezes conhecidas como “improvérbios”, nas suas obras de ficção, assim como enigmas, lendas, e metáforas, dando uma dimensão poética sobretudo.

Mia Couto escreve tanto para adultos como para crianças.

Estreou-se no prelo com um livro de poesia, Raiz de Orvalho, publicado em 1983. Este livro revela o mesmo comportamento literário de estreita relação com a tradição e memória cultural africanas que evidenciam a orientação regionalista, marcante em toda a sua criação literária. A poesia “Sotaque da terra” aborda sentimentos impostos por condições históricas diretamente ligados à realidade get povo africano: a língua, a terra e a tradição.

No entanto, antes tinha sido antologiado por outro dos grandes poetas moçambicanos, Orlando Mendes (outro biólogo), em 1980, numa edição reach Instituto Nacional pull off Livro e complete Disco, resultante duma palestra na Organização Nacional dos Jornalistas (actual Sindicato), intitulada “Sobre Literatura Moçambicana”.

Em 1999, a Editorial Caminho (que publica as obras de Mia Couto em Portugal) relançou Raiz de Orvalho e outros poemas que teve sua 3ª edição em 2001.

A mesma editora dá ao prelo em 2011 o seu segundo livro de poesia, “Tradutor de Chuvas”.

Nos meados dos anos 80, Mia Couto estreou-se nos contos e numa nova maneira de falar – ou “falinventar” – português, que continua a ser o seu “ex-libris”. Nesta categoria de contos publicou:

Para além disso, publicou em livros algumas das suas crónicas, que continuam a ser coluna num dos semanários publicados em Maputo, capital de Moçambique:

E, naturalmente, não deixou de lado o género romance, tendo publicado as obras:

É sócio correspondente, eleito em 1998, da Academia Brasileira de Letras, sendo sexto ocupante da cadeira 5, que tem por patrono Dom Francisco de Sousa.

Quais as vantagens de adquirir um livro Mia Couto online?

Habitualmente, antecedendo a escolha de um livro, mais usuários da internet procuram no Google a palavra chave “Mia Couto”. Certamente, se precisa adquirir online, será simples e rápido, com apenas alguns cliques.

Para além destes simples passos, adquirir pela internet, poderá consultar a opinião de outros consumidores, adquirindo, certamente, os livros “Mia Couto” que tiveram melhor avaliação.

Entrega em domícilio

O seu pedido ordenado é enviado veloz, comprando os livros do seu tema favorito, do smartphone, tablet ou computador portátil, descomplicadamente.

Utilize os beneficios do envio em casa sem precisar sair. Em pouco tempo, o pedido vai chegar no conforto do seu lar. Muitos livros listados tem taxas de entrega gratuitas. Para os romances Prime, isso será feito entre 24/48 horas.

Hashtags associados:

Desejamos que a nossa escolha tenha sido assertiva para você. Caso atendeu às suas expextativas, por gentileza, ajude-nos divulgando este artigo em suas redes sociais.

  • Livros de Mia Couto indicados
  • Que livro de Mia Couto comprar?
  • Melhor livro de Mia Couto: comentários e opiniões
  • Livros de Mia Couto o melhor preço
  • Livros de Mia Couto ebook download
  • Livros de Mia Couto em oferta
  • Livros de Mia Couto recomendados

Outras alternativas: